Topo

Ferrari volta a registrar lucro trimestral recorde

03/05/2018 14h19

TURIM, 03 MAI (ANSA) - A montadora de luxo italiana Ferrari registrou mais um recorde trimestral e fechou os três primeiros meses de 2018 com lucro líquido de 149 milhões de euros, o que representa um crescimento de 19,4%.   

O resultado foi divulgado nesta quinta-feira (3) e confirma o bom desempenho da empresa de Maranello, que segue batendo recorde atrás de recorde desde sua separação do grupo Fiat Chrysler Automobiles (FCA).   

No primeiro trimestre deste ano, a Ferrari também obteve Ebitda (lucros antes de juros, impostos e amortização) de 272 milhões de euros, enquanto seu endividamento industrial caiu para 413 milhões de euros, 60 milhões a menos em relação ao período anterior.   

Além disso, a montadora entregou 2.128 carros entre janeiro e março, um aumento de 125 unidades (6,2%). Com isso, as receitas cresceram 1,3% (6,3% com câmbio constante) e chegaram a 831 milhões de euros.   

Para 2018, a Ferrari planeja entregar 9 mil veículos e arrecadar pelo menos 3,4 bilhões de euros. A marca se separou da FCA no início de 2016, embora seus acionistas continuem sendo basicamente os mesmos. A diferença é que agora a montadora de Maranello opera de forma independente e está listada nas bolsas de Milão e Nova York. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.