Kim faz segunda visita surpresa à China em menos de 2 meses

PEQUIM, 08 MAI (ANSA) - O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, fez nesta terça-feira (8) uma visita surpresa a Dalian, no nordeste da China, onde se reuniu com o presidente Xi Jinping.   

Essa é a segunda viagem de Kim ao gigante asiático em pouco mais de um mês, após ter passado seus primeiros seis anos no poder sem pisar no exterior.   

Dalian fica perto da fronteira com a Coreia do Norte, cujo líder chegou de avião, um dia antes de Xi participar do teste operacional de um novo porta-aviões chinês.   

O encontro entre os dois acontece após a histórica cúpula entre Kim e o presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, e em meio aos preparativos para a reunião com o mandatário dos Estados Unidos, Donald Trump.   

O líder norte-coreano disse a Xi que seu país não terá mais razões para ser um "Estado nuclear" quando se encerrarem as "hostilidades" e as ameaças ao regime de Pyongyang por parte dos EUA.   

Além disso, Kim informou o presidente da China sobre os últimos acontecimentos na Península da Coreia. Por sua vez, Xi reivindicou o papel "ativo" de Pequim na obtenção da "paz de longo prazo e da estabilidade regionais".   

Principal parceira de Pyongyang, a China ficou escanteada no processo de reaproximação entre as Coreias, embora também seja signatária do armistício que suspendeu a guerra entre Norte e Sul. No entanto, em seus discursos, Trump tem feito questão de salientar o papel de Pequim nas pressões sobre Kim. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos