Obama diz que saída de acordo com Irã é 'erro gravíssimo'

NOVA YORK, 08 MAI (ANSA) - O ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama criticou a decisão de Donald Trump de sair do acordo nuclear com o Irã.   

Através de uma publicação em sua página do Facebook, Obama, um dos artífices do tratado, listou diversos pontos do acordo que demonstram sua efetividade.   

Ele disse que o pacto com o Irã, assinado durante seu governo, "está funcionando e reduziu significativamente o programa nuclear" de Teerã.   

Para o antigo mandatário, o anúncio de Trump foi "mal conduzido" e poderá afastar aliados norte-americanos, além de interferir em suas relações atuais mais delicadas. Segundo o democrata, a saída do acordo é um "erro gravíssimo" e colocará outras questões em dúvida, como o desarmamento nuclear da Coreia do Norte.   

Além disso, de acordo com Obama, a retirada pode significar "uma potencial ou mais destrutiva guerra no Oriente Médio". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos