Liga e M5S ficam a um passo de formar governo na Itália

ROMA E SÃO PAULO, 16 MAI (ANSA) - Dois meses após as eleições legislativas na Itália, os partidos vitoriosos Liga Norte e Movimento 5 Estrelas (M5S) estão perto de chegar a um acordo de governo conjunto, de acordo com fontes locais. Na noite desta quarta-feira (16), está marcado um encontro entre Luigi di Maio, do M5S, e Matteo Salvini, da Liga, para discutir os termos finais do acordo. Ambos, que protagonizaram as campanhas políticas e trocaram críticas públicas nos últimos meses, disseram hoje que estão prontos a abrir mão do cargo de ministro para se chegar ao tratado de criação do novo governo. "Eu espero que se possa fazer parte do governo para estar lá em primeira pessoa. Mas, se for preciso, eu e Salvini estamos prontos a ficar de fora", disse Di Maio. "O contrato de governo que estamos escrevendo nestes dias é a maior novidade política dos últimos 20 anos, porque levará ao governo da Itália aquilo que os cidadãos pediram: a mudança", ressaltou. O presidente da Itália, Sergio Mattarella, aguarda que a Liga Norte e o M5S apresentem um documento final com a formação do novo governo italiano, o que deve acontecer até quinta-feira (17). Até agora, alguns temas já teriam sido definidos entre os dois partidos, como a gestão do Ministério do Interior, que cuida da questão imigratória, e ficaria para a Liga Norte; e o Ministério das Relações Exteriores para o M5S.   

O contrato, de 40 páginas, também versaria sobre o tema da vacinação obrigatória na Itália e prometeria que o país não sairá da zona do euro.   

O mercado financeiro, porém, não reagiu bem à manobra do M5S e da Liga Norte. Hoje, a Bolsa de Valores de Milão caiu mais de 2%, protagonizando um dos piores resultados na Europa. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos