Alitalia reduz perdas pela metade no primeiro trimestre

ROMA, 17 MAI (ANSA) - Em processo de recuperação e venda, a Alitalia, maior companhia aérea da Itália, reduziu suas perdas no primeiro trimestre de 2018 quase pela metade.   

Segundo dados divulgados nesta quinta-feira (17), o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ficou em -117 milhões de euros, contra os -228 milhões de euros registrados nos três meses iniciais de 2017.   

Além disso, a empresa registrou aumento de 4% nas receitas no primeiro trimestre deste ano. No fim de abril, a Alitalia tinha em caixa 769 milhões de euros. No mesmo mês de 2017, antes da intervenção do governo italiano, esse número era de 83 milhões de euros, e a companhia estava à beira da falência.   

Após o início da administração extraordinária, a Alitalia recebeu dois empréstimos públicos que totalizam 900 milhões de euros, dinheiro que será reavido pelo governo no momento da venda da empresa. Grupos como Lufthansa e EasyJet estão na briga, mas o processo só deve ser concluído após a posse do futuro primeiro-ministro, que ainda está indefinido.   

"Independentemente do que quer o novo governo, que o faça rápido", cobrou o comissário extraordinário Luigi Gubitosi.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos