PUBLICIDADE
Topo

IllyCafé apoia produção de café de ex-guerrilheiros das Farc

22/05/2018 19h39

SÃO PAULO, 22 MAI (ANSA) - A Illy Café assinou um memorando de entendimento que visa aumentar a qualidade e produtividade da produção cafeeira no departamento de Cauca, onde ex-combatentes das Farc moram, O objetivo é estimular o desenvolvimento econômico do local.   


O documento foi criado em parceria com os Espaços Territoriais para Treinamento e Reintegração (ETCR) e a Associação Colombiana de Pequenos Cafeicultores, na última sexta-feira (18). A Illy compartilhará suas práticas agronômicas e irá adquirir os lotes de café produzidos pelos ex-guerrilheiros que atingirem os padrões de qualidade exigidos pela empresa. "Queremos contribuir de maneira tangível para o complexo processo de paz, trabalhando ao lado das pessoas e das organizações que estão unindo forças para que isso aconteça rapidamente", disse Andrea Illy.   


Existem mais de 600 ex-combatentes das FARC nas quatro zonas de ETCR, todas em Cauca, que serão beneficiados pelo memorando. São 130 ex-guerrilheiros de La Elvira, na cidade de Buenos Aires; 350 de Los Monos, na cidade de Caldono; 50 de el Estrecho, na cidade de Patia; e 80 de Monte Redondo, na cidade de Miranda. A eles se somam 480 pequenos produtores das comunidades do entorno.   


A Illy Caffé é uma empresa familiar italiana e é uma das mais globais do mundo, com grãos provenientes de nove países diferentes, sendo o Brasil o principal. As Farc, rebatizadas de "Forças Alternativas Reacionárias da Colômbia", entraram em um acordo de paz com o governo colombiano em junho de 2017, quando entregaram todas suas armas e tentaram integrar a política da Colômbia. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.