Opositor de Putin é preso na Espanha pela Interpol

MADRI, 30 MAI (ANSA) - O investidor britânico Bill Browder, opositor do presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou nesta quarta-feira (30) que foi preso em Madri pela polícia da Espanha, a mando da Interpol russa.   

Browder, que é diretor executivo do fundo de investimento Hermitage Capital, é crítico do chefe de Estado russo e faz parte de diversas campanhas contra a corrupção na Rússia. Em 2012, ele criou as leis Magnitsky, uma série de sanções contra os funcionários do alto escalão do governo russo acusados de corrupção. Depois, em um julgamento controverso, ele foi condenado por um tribunal da Rússia a nove anos de prisão por evasão fiscal.   

No entanto, cerca de uma hora depois de ter sido detido hoje, o investidor foi libertado pelas autoridades espanholas, alegando que o mandado de prisão russo era inválido.   

"Só para esclarecer, a minha detenção esta manhã em Madrid foi o resultado de um sexto mandado de prisão russo usando os canais da Interpol. A Interpol é incapaz de impedir o abuso russo de seus sistemas", escreveu Browder.   

Ontem (29) o jornalista russo Arkady Babchenko, crítico de Putin, foi assassinado a tiros em seu apartamento em Kiev, na Ucrânia. Segundo as autoridades, ele foi baleadado três vezes nas costas enquanto entrava na sua casa.   

Babchenko denunciava a desestabilização da Ucrânia pela Rússia e escreveu reportagens sobre o conflito. Alegando que estava recebendo "ameaças", o jornalista precisou se mudar para Praga, na República Tcheca, e depois para Kiev.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos