PUBLICIDADE
Topo

Confira deliciosos destinos 'gourmet' pouco explorados

26/06/2018 19h48

SÃO PAULO, 26 JUN (ANSA) - Um terço dos viajantes de todo o mundo afirma que deseja fazer uma viagem com tema "gastronômico" em 2018. Mas quais são os locais mais indicados? O site de viagens "Booking " divulgou uma lista dos destinos "gourmet" que estão em crescimento e que prometem "dar água na boca".   


Uma taça de vinho em Szekszárd, na Hungria - De acordo com o site, o melhor lugar para se visitar quando se gosta de vinho é Szekszárd. Capital da província de Tolna, a cidade é, com seus mil anos de atividade, uma das zonas de produção vinícola mais antigas de todo o país e é conhecida pelos seus vinhos tintos encorpados e com aroma acentuado.   


Um belo copo de cerveja em Qingdao, na China - Portos, arranha-céus, parques e praias: Qingdao é a cidade natal da segunda maior produtora de cerveja de toda a China, a "Tsingtao Brewery", fundada em 1903 por empreendedores alemães. O Museu da Cerveja do município celebra a história da bebida e fica na antiga fábrica da Tsingtao Brewery. Além disso, o "Festival Internacional da Cerveja de Qingdao" é um dos mais importantes eventos da cidade e lembra a "Oktoberfest" de Munique, na Alemanha.   


Um chá da tarde em Bath, no Reino Unido - A típica tradição inglesa do "chá da tarde" ainda desfruta de uma popularidade tal qual como era na época georgiana, e Bath é considerada pelos viajantes como o melhor lugar para se tomar chá. O local ideal para se ter um contato com esse costume britânico é o "Pump Room" - uma sala de chá situada no coração de Bath há mais de dois séculos e que é, inclusive, descrita nos romances de Jane Austen.   


Um "doce verão" em Miedzyzdroje, na Polônia - Muito frequentada pelos turistas no verão, Miedzyzdroje é uma pequena cidade do noroeste da Polônia e fica na ilha de Wolin, no Mar Báltico. Os waffles são uma das principais iguarias da região: é possível encontrar variedades do alimento praticamente em todas as ruas da cidade.   


Um ótimo sushi em Düsseldorf, na Alemanha - Cerca de 49% dos turistas afirmam que têm o desejo de se aventurar quando se trata de experimentar novas comidas em viagens. Mas por quê não experimentar um clássico em um lugar pouco habitual? Conhecida pela arte e pela moda, Düsseldorf com certeza não é a primeira cidade que se vem à mente quando se trata de comida japonesa. No entanto, lá se encontra a terceira maior comunidade japonesa da Europa, e o município oferece muitos restaurantes japoneses e sushi bares.   


Uma culinária vegetariana em Koyasan, no Japão - Patrimônio da Humanidade pela Unesco, o Monte Koya se encontra na península de Kii, mais de 800 metros acima do nível do mar. Considerado sagrado, o lugar é destino de peregrinações para a escola de budismo de Shingon. Lá, monges e seguidores praticam uma espécie de dieta vegetariana, a "shojin ryori", ou "comida da devoção".   


Algumas especiarias do regime alimentar podem ser provadas em antigos restaurantes da região.   


Uma "consciência saudável" em Canggu, na Indonésia - Com 10 km de praia na costa meridional de Bali, Canggu é um paraíso relaxante para os surfistas e apaixonados por cozinha saudável, graças aos numerosos restaurantes indonésios, ideais para se recuperar de um dia nas ondas.   


Uma cozinha gourmet em Franschhoek, na África do Sul - A cidade de Franschhoek, localizada na província de Cabo Ocidental, na África do Sul, é conhecida por ser a "capital gourmet" do país.   


Ela atrai, a cada ano, viajantes locais e internacionais graças aos seus vinhedos, restaurantes famosos e mansões históricas.   


Considerando que 23% dos turistas gostariam de conhecer restaurantes presentes no guia "Michelin", Franschhoek é o lugar ideal para se descobrir renomados cozinheiros.   


Uma descoberta dos queijos em Tillamook, nos Estados Unidos - Localizada na costa do Oregon, a "Tillamook Cheese Factory" produz, há mais de um século, itens caseiros de alta qualidade.   


O visitante poderá descobrir como é a vida em uma fábrica, observar as linhas de produção e experimentar algumas das iguarias que o local tem para oferecer.   


Uma experiência para amantes de chocolate, em Lviv, na Ucrânia - Lviv é a maior cidade da Ucrânia ocidental e abriga um museu do chocolate em seu centro histórico, no qual é possível ver a produção e degustar o doce. Em outubro, o município também abriga o "Festival Nacional do Chocolate", evento que expõe as melhores marcas e produções artesanais ucranianas.   


Um peixe fresco do dia em Donggang, em Taiwan - Situada na costa ocidental de Taiwan, Donggang tem um dos maiores portos pesqueiros de toda a ilha, por isso seus restaurantes contam com peixe fresco todos os dias. Recomenda-se visitar o mercado de peixe de Donggang, que conta com diversas bancas de frutos do mar, verduras e sashimis, fazendo concorrência com o Japão.   


(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.