Greve da Ryanair cancela centenas de voos em 5 países

BERLIM, 10 AGO (ANSA) - Milhares de passageiros deverão ser afetados pela greve de pilotos da companhia aérea irlandesa Ryanair, iniciada nesta sexta-feira (10) em Alemanha, Bélgica, Holanda, Irlanda e Suécia. Os pilotos exigem que a companhia providencie melhores condições de trabalho.   

Somente na Alemanha, a Ryanair cancelou pelo menos 250 voos que sairiam de 12 aeroportos do país. No total, mais de 55 mil passageiros foram afetados pela greve e, segundo a companhia aérea, poderão trocar o bilhete sem nenhum custo ou ter o dinheiro de volta.   

No aeroporto de Charleroi, na Bélgica, dezenas de pilotos da empresa participaram de um protesto segurando faixas e cartazes pedindo "respeito". No aeroporto de Frankfurt, na Alemanha, também está prevista uma manifestação.   

A greve deverá custar 20 milhões de euros à companhia aérea de baixo custo, já que os passageiros afetados pela paralização terão direito a compensações financeiras pelo imprevisto.   

Os pilotos da Ryanair fizeram uma paralização semelhante em julho, quando mais de 100 mil passageiros em Portugal, Espanha, Itália e Bélgica foram afetados pelo cancelamento de cerca de 600 voos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos