PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Rússia diz ter achado equipamentos italianos em Duma, Síria

24/08/2018 14h19

MOSCOU, 24 AGO (ANSA) - A Rússia disse nesta sexta-feira (24) ter encontrado equipamentos de fabricação italiana usados na produção de substâncias tóxicas em Duma, cidade da Síria alvo de um ataque químico no último dia 7 de abril.   

A informação é do general Igor Kirillov, chefe das tropas russas de defesa radiológica, química e biológica - Moscou é aliada do regime de Bashar al Assad no país árabe e culpa grupos rebeldes pelo ataque em Duma.   

"Não mencionamos o país exato na época da descoberta [em junho], mas os equipamentos tinham a escrita 'made in Italy'", declarou Kirillov. A suspeita é que esses itens, como cilindros de cloro, tenham sido usados na produção de gás mostarda.   

Duma fica nos arredores de Damasco, e o ataque químico deixou mais de 70 mortos, além de ter motivado um bombardeio de Estados Unidos, França e Reino Unido contra alvos do regime Assad, a quem atribuem a ação tóxica.   

Uma missão da Organização para a Proibição das Armas Químicas (Opaq) esteve na cidade entre o fim de abril e o início de maio e deve apresentar um relatório com suas conclusões. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional