PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Papa Francisco diz que política é compromisso de humanidade

23/11/2018 17h32

CIDADE DO VATICANO, 23 NOV (ANSA) - Fazendo uma reflexão sobre o momento complexo da vida política italiana e mundial, o papa Francisco disse nesta sexta-feira (23) que a Igreja precisa de fiéis leigos e cristãos a serviço do bem comum.   

"A política é um compromisso de humanidade e santidade e, portanto, um caminho exigente de serviço e responsabilidade aos fiéis leigos, chamados à vida cristã das realidades temporais", disse o Pontífice.   

A declaração foi dada durante audiência com 200 representantes da fundação "Giorgio La Pira" em Roma. La Pira, que morreu em 1977, era um ativista católico e político italiano, além de professor universitário de Florença, Sena e Pisa. Atualmente, foi proclamado "Venerável Servo de Deus".   

"Ele foi uma testemunha entusiasta do Evangelho e um profeta dos nossos tempos. A sua atitude e ação sempre foram inspiradas na perspectiva cristã", explicou Francisco.   

O líder da Igreja Católica ainda encorajou os fiéis a "manter vivo e difundir o patrimônio da ação eclesial e social" do italiano, principalmente "seu testemunho de fé e amor pelos pobres e marginalizados, seu trabalho pela paz e atuação da mensagem social da Igreja católica".   

"Na política não devemos ceder às tentações como quando, por exemplo, nós olhamos para um benefício exclusivo pessoal ou de grupo, ao invés do interesse de todos, quando o clientelismo prevalece sobre a justiça", alertou. Francisco finalizou seu discurso, recordando os inúmeros talentos que o italiano deixou aos seus seguidores para dar frutos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional