PUBLICIDADE
Topo

'Cidade dos presépios' na Itália exibirá obras da Venezuela

29/11/2018 09h02

ROMA, 29 NOV (ANSA) - O vilarejo de Ossana, no norte da Itália, famoso pela sua exposição de presépios na época de Natal, exibirá neste ano obras enviadas da Venezuela, que passa por uma grave crise social, política e econômica.   


A mostra começa nesta sexta-feira (30) e termina em 6 de janeiro, com o objetivo de estimular a reflexão sobre a solidariedade. A cidade de aproximadamente 800 habitantes, que fica no Vale Sole, possui mais presépios do que moradores, ultrapassando 1,5 mil obras.   


A edição de 2018 de sua exposição anual conta com 100 presépios venezuelanos, que serão expostos em algumas ruas da cidade e no Castelo de San Michele, palco do tradicional mercado natalino do vilarejo. A novidade é fruto do pedido de uma idosa venezuelana, Carmen Giménez, mãe de uma jovem que vive em Ossana há 15 anos.   


Sabendo da peculiaridade do local onde sua filha reside, ela propôs enviar presépios produzidos por artistas venezuelanos.   


"Minha mãe criou uma coleção de presépios artesanais, e cada um é produzido com materiais pobres ou reciclados", conta a filha Lisbeth. "Tecido, argila, madeira, cada obra conta sua história", acrescenta.   


Um dos presépios é de Carlos Hernández, artista de Valencia que conta a tradição difundida entre as tribos que ainda vivem nas florestas tropicais da Venezuela. "Esses presépios representam a beleza das raízes da nossa terra, multicultural, aberta e maravilhosa, mas que passa por um momento terrível", lamentou Lisbeth. "Estamos muito felizes que nossa coleção se enriqueça de obras tão particulares. A exposição cresce e se torna cada vez mais significativa com o passar dos anos", comentou o prefeito de Ossana, Luciano Dell'Eva. A cidade fica na região de Trentino Alto-Ádige, a 190 quilômetros de Milão. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.