Topo

Versace e Swarovski se unem para criar tiara austríaca

04/12/2018 10h21

ROMA, 4 DEZ (ANSA) - A casa de moda italiana Versace colaborou com a austríaca Swarovski para a confecção de uma tiara que debutantes usarão no Baile da Ópera de Viena do ano que vem.   


O baile é um evento de gala que acontece todos os anos e a sua origem remonta ao ano de 1814. Ele é realizado em Viena, na Áustria, sempre na quinta-feira que precede a quarta-feira de cinzas. No caso de 2019, será no dia 28 de fevereiro.   


Graças ao convite de Maria Großbauer, organizadora do evento, a Versace criou a joia com inspiração em Das Rheingold, de Richard Wagner, o primeiro dos quatro dramas musicais que compõem a ópera "Anel de Nibelungo".   


Na cena principal do primeiro ato, um raio de sol ilumina as profundidades do Reno, revelando o ouro cuidado por três ninfas do rio, que acaba sendo roubado pelo anão Alberico. Essa história é lembrada na criação de Versace.   


Os raios dourados produzidos com os cristais Swarovski iluminam o tesouro no centro da tiara: um grande cristal redondo cor "Golden Shadow" (Sombra Dourada, na tradução livre), circundando por ondas de cristais azuis. Ao todo, serão 380 Swarovski por tiara. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.