PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Cidades da Itália proíbem spray de pimenta em Ano Novo

28/12/2018 18h21

MILÃO, 28 DEZ (ANSA) - Diversas cidades italianas anunciaram nesta sexta-feira (28) novas medidas de segurança para as festas de Ano Novo, incluindo a proibição do uso de spray de pimenta, principalmente depois que o gás provocou um tumulto em uma discoteca de Corinaldo, deixando seis mortos. A nova medida será adotada nas festividades de Milão, Castelsardo, Rimini, Parma, Cagliari, Turim e Veneza, na tentativa de evitar qualquer tipo de confusão ou pânico na multidão já que a utilização de spray de pimenta para roubar objetos como celulares e correntes é um fenômeno crescente na Itália.   

Em Milão, além do gás, também está proibido o uso de mochilas, bolsas, garrafas de vidro, armas e fogos de artifícios na área da estação central e na Piazza Duomo, onde a capacidade máxima será de 19.990 pessoas. A comemoração contará com concertos dos Bluebeaters e de Francesco Gabbani.   

Já na festa de Castelsardo, a mais importante da Sardenha, os participantes não poderão utilizar spray de pimenta, carregar garrafas e copos de vidro, objetos pontiagudos e fogos de artifícios.   

"O spray de pimenta é novo este ano, portanto, haverá, além da polícia, cerca de 200 pessoas fazendo inspeção em mochilas e bolsas", explicou o prefeito da cidade, Franco Cuccureddu. Em Rimini e Parma, as autoridades anunciaram as mesmas medidas, incluindo a proibição de guarda-chuvas, tripé, capacetes, além de determinar que os mercados sejam fechados às 21h (horário local), do dia 31 de dezembro, até às 6h da manhã do dia 1º de janeiro. "Uma obrigação que será estendida em todo o território municipal para evitar a venda imprudente de álcool e garantir diversão segura", ressaltou o conselheiro de segurança de Rimini, Jamil Sadegholvaad.   

Para as celebrações do Ano Novo de 2019 na cidade de Cagliari, a partir de hoje o tráfego será alterado no Largo Carlo Felice, na Piazza Yenne, nas vias Angioy, Sassari, Mameli, Baylle, Dettori, Santa Croce, na Piazza San Giacomo e em áreas próximas. Entre as medidas de segurança, também há a proibição do spray de pimenta e fogos de artifícios. A cidade de Turim também elaborou um detalhado plano de segurança, desenvolvido em colaboração com a prefeitura e a polícia local. Aproximadamente 15 mil pessoas poderão acessar, através de oito entradas controladas, o espetáculo na piazza San Carlo. Recipientes de vidro, latas, sprays e objetos considerados potencialmente perigosos foram proibidos. Todas as medidas entrarão em vigor a partir das 22h (horário local) do dia 31 de dezembro. Um dos portões, na piazza San Giovanni, será reservado para turistas hospedados em hotéis da região, imprensa credenciada e portadores de deficiência. A contagem de pessoas será feita eletronicamente e, em caso de superlotação, os portões poderão ser fechados. O tráfego de veículos particulares serão proibidos. Além disso, a polícia municipal irá realizar monitoramento, prevenção e combate ao comércio ilegal de bebidas. Por fim, Veneza proibirá o consumo de bebidas em garrafas de vidro e o uso de spray de pimenta para "proteger a segurança urbana e a segurança pública na véspera do Ano Novo". Em caso de violação, a cidade aplicará multas administrativas de 25 a 500 euros. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional