PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Trump culpa democratas por morte de crianças imigrantes

30/12/2018 11h32

NOVA YORK, 30 DEZ (ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a atacar a oposição e responsabilizou os democratas pela morte das duas crianças guatemaltecas, que estavam sob custódia das autoridades na fronteira. Em sua conta no Twitter, o republicano escreveu neste sábado(29) que são as políticas de imigração "patéticas" dos democratas que levam as pessoas a acreditar que podem entrar no país de forma ilegal.   

"Qualquer morte de crianças ou outras pessoas na fronteira é estritamente culpa dos democratas e de sua patética política migratória, que permite às pessoas fazer uma longa viagem achando que podem entrar ilegalmente em nosso país", escreveu.   

O chefe de Estado norte-americano ainda ressaltou que as crianças já estavam doentes antes de serem entregues na fronteira. "As crianças estavam muito doentes antes de serem entregues à patrulha fronteiriça. O pai da menina disse que não foi culpa deles, ele que não havia dado água a ela por dias", acrescentou. Segundo Trump, "a patrulha precisa do muro" na fronteira com o México para conter a imigração. Neste mês, duas crianças, entre 7 e 8 anos de idade, faleceram de causas desconhecidas sob custódia dos guardas, após chegarem nos Estados Unidos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional