PUBLICIDADE
Topo

Monza tentou contratar Kaká para disputar Série C da Itália

15/02/2019 15h25

SÃO PAULO, 15 FEV (ANSA) - O CEO do Monza, Adriano Galliani, afirmou nesta sexta-feira (15) que tentou contratar o meio-campista Kaká para o clube biancorosso, que disputa a Série C do Campeonato Italiano.   


Segundo Galliani, o objetivo era tirar o brasileiro da aposentadoria para jogar apenas uma temporada pelo Monza. Kaká, por sua vez, não aceitou a proposta porque não queria ficar longe dos seus filhos.   


"Kaka me disse 'não'. Pedi para ele vir a Monza, mas ele não queria deixar São Paulo e seus filhos", disse Galliani em entrevista ao jornal "Gazzetta dello Sport".   


Atualmente com 36 anos, o ex-atleta foi o último brasileiro que venceu o prêmio de melhor jogador do mundo, em 2007. Kaká tem passagens por São Paulo, Milan, Real Madrid e Orlando City, dos Estados Unidos.   


Antes de assumir o cargo de CEO do Monza, Galliani afirmou que recebeu "várias ofertas" de outros clubes, mas recusou todas.   


Segundo ele, "não podia trair o Milan".   


O ex-primeiro-ministro da Itália Silvio Berlusconi comprou o Monza em setembro passado e o clube é gerido por Galliani. O ex-dono do Milan adquiriu 100% das ações do time biancorosso, que pertencia à família Colombo.   


Apesar do alto investimento, o Monza está na sétima colocação (de um total de 20) no grupo B da Lega Pro, a terceira divisão do futebol italiano. O clube é treinado pelo ex-jogador Christian Brocchi e possui em seu elenco o irmão de Lucas Paquetá, Matheus.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.