PUBLICIDADE
Topo

Inter de Milão é punida por coros racistas

19/03/2019 14h52

ROMA, 19 MAR (ANSA) - Após o incidente com o atacante Franck Kessié, do Milan, o setor da principal torcida organizada da Inter de Milão, a Curva Nord (Curva Norte), poderá ser fechado por uma rodada caso aconteça um novo caso de racismo.   


No domingo (17), durante o "Derby della Madonnina", a torcida organizada do clube nerazzurro fez o barulho "buu", que é conhecido como uma ofensa racista, ao jogador marfinense em duas ocasiões.   


A Federação Italiana de Futebol (Figc) foi notificada e suspendeu a Curva Nord por um jogo. No entanto, a sanção só será válida caso a torcida da Inter Milão repita o gesto racista no período de um ano.   


Essa não é a primeira vez que a torcida da Inter é punida por seu mau comportamento. No começo deste ano, o clube nerazzurro jogou duas partidas de portões fechados após os ultras terem discriminado o zagueiro do Napoli, Kalidou Koulibaly.   


Na terceira colocação do Campeonato Italiano, a Inter voltará a campo no dia 31 para enfrentar a Lazio, no San Siro, em partida válida pela 29ª rodada.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.