PUBLICIDADE
Topo

Uefa abre processo disciplinar contra Neymar

22/03/2019 16h02

ROMA, 22 MAR (ANSA) - A Uefa abriu nesta sexta-feira (22) um processo disciplinar contra o atacante brasileiro Neymar, do Paris Saint-Germain (PSG), pelas críticas do atleta ao árbitro esloveno Damir Eskomina, após o fim da partida diante do Manchester United, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. No caso, Neymar utilizou as redes sociais para criticar o polêmico pênalti marcado pelo árbitro assistente de vídeo (VAR, na sigla em inglês) a favor do Manchester United. No lance, Marcus Rashford acertou a cobrança e decretou a eliminação do PSG.   


O brasileiro, que está se recuperando de uma lesão no pé direito, não entrou em campo. O astro assistiu a partida nas tribunas do estádio Parc des Princes, em Paris.   


Caso for punido, o camisa 10 do clube francês poderá pegar até três jogos de suspensão.   


No comunicado divulgado pela Uefa, Neymar foi acusado de "insultar e atacar" a arbitragem da partida entre PSG e Manchester United. No entanto, a entidade não divulgou uma data para a decisão final do caso.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.