Topo

Itália investiga se mafioso da 'Ndrangheta fugiu para Brasil

2019-06-25T12:45:00

25/06/2019 12h45

REGGIO CALABRIA, 25 JUN (ANSA) - As autoridades italianas tentam encontrar o paradeiro do mafioso Rocco Morabito, da 'Ndrangheta, organização criminosa da região da Calábria. Ele conseguiu escapar de uma prisão em Montevidéu, no Uruguai, e a polícia não descarta a possibilidade do mafioso ter buscado esconderijo no Brasil.   


Isso porque Morabito, quando foi detido, em 2017, após passar mais de 20 anos como foragido, portava documentos brasileiros falsos. De acordo com a emissora VTV Noticias, o serviço secreto do Uruguai tinha alertado as autoridades há um ano sobre o risco de fuga do mafioso, mas a informação não foi levada em consideração pelo Ministério do Interior do país. A emissora exibiu um documento de 6 de junho de 2018 que fazia uma previsão de fuga exatamente como ocorreu. O serviço secreto disse no documento que Morabito poderia sair pelo sexto andar da prisão, passando por um túnel dentro do teto de um supermercado e chegando a um apartamento ao lado do centro penitenciário. De fato, a fuga foi confirmada pelas autoridades do Uruguai com a mesma dinâmica: com outros três detentos, Morabito fugiu por meio de uma passagem no teto e pulou para um prédio residencial adjacente ao presídio. No edifício, o grupo entrou em um apartamento por uma janela, assaltou a proprietária, uma senhora de 80 anos identificada como Élida Ituarte, e escapou.   


O mafioso, de 53 anos de idade, é conhecido mundialmente como "o rei da cocaína" e já esteve na lista dos criminosos mais procurados da Itália. Preso no Uruguai, ele aguardava um processo de extradição. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Mais Notícias