Topo

Premier da Itália falará ao Senado sobre 'caso Rússia'

17/07/2019 09h54

ROMA, 17 JUL (ANSA) - O primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, irá ao Senado no próximo dia 24 de julho para prestar esclarecimentos sobre as supostas ligações entre a Rússia e um dos partidos da base aliada, a ultranacionalista Liga.   

A data foi acordada em uma reunião de líderes partidários na Câmara Alta, mas as regras da sabatina ainda serão definidas. O convite havia sido feito a Conte pelo centro-esquerdista Partido Democrático (PD), de oposição.   

O caso estourou na semana passada, quando o site BuzzFeed revelou que Gianluca Savoini, ex-porta-voz do ministro do Interior, vice-premier e secretário da Liga, Matteo Salvini, falara abertamente com dois cidadãos russos sobre um repasse milionário para o partido.   

A conversa ocorreu no Hotel Metropol, em Moscou, em outubro de 2018, durante uma visita oficial do ministro do Interior à Rússia. No diálogo, Savoini e dois russos discutem a criação de um fundo de US$ 65 milhões a ser usado pela Liga nas eleições europeias de maio passado, com recursos obtidos da venda de petróleo para a estatal italiana ENI.   

Não se sabe, no entanto, se a negociação chegou a ser concluída.   

Salvini diz que seu partido nunca recebeu dinheiro da Rússia, e o Kremlin afirmou à ANSA que jamais ofereceu suporte financeiro a legendas políticas na Itália.   

Em sua audiência no Senado, Conte deverá explicar a presença de Savoini em um jantar de gala oferecido pelo governo ao presidente da Rússia, Vladimir Putin, em 4 de julho.   

A oposição também tenta convocar Salvini a se explicar na Câmara dos Deputados e apresentou um projeto para criar uma comissão parlamentar de inquérito no Senado. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Mais Internacional