Topo

Hong Kong tem novo dia de protestos e confrontos

21/09/2019 08h55

ROMA, 21 SET (ANSA) - Em um novo dia de protestos pró-democracia e contra a China, milhares de pessoas foram às ruas de Hong Kong neste sábado(21). Os atos, no entanto, foram reprimidos pela polícia com o uso de bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha. As autoridades entraram em conflito com os manifestantes que estavam reunidos no parque de Tuen Mun, após os ativistas lançarem um coquetel molotov e objetos contra os agentes. Em um outro ato, próximo a um terminal rodoviário e em uma das principais praças do território, a polícia também confrontou um grupo com spray de pimenta e balas de borracha para recuperar o controle da situação. Segundo a imprensa local, vários manifestantes foram presos no 16º fim de semana consecutivo de protestos. Ontem (20), em meio à série de conflitos, a organização Anistia Internacional (AI) acusou a polícia de Hong Kong de usar a força excessivamente contra os manifestantes e chegou a denunciar "táticas ilegais", sendo que em alguns casos podem ser consideradas como "tortura". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Mais Notícias