Topo

Liga Ucraniana investigará caso de racismo contra brasileiros

11/11/2019 16h33

SÃO PAULO, 11 NOV (ANSA) - Após os brasileiros Taison e Dentinho terem sido vítimas de insultos raciais em um jogo pelo Shakhtar Donetsk, a Liga Ucraniana anunciou nesta segunda-feira (11) que abriu uma investigação para tentar identificar os responsáveis pelo caso.   


Em um duelo contra o Dinamo de Kiev, pelo Campeonato Ucraniano, Taison respondeu os insultos racistas exibindo o dedo do meio para os torcedores rivais e chutando a bola em direção ao setor da torcida. O jogador, por sua vez, foi expulso pelos atos. Após o caso, o ex-atleta do Internacional chorou com seu compatriota Dentinho, que também foi alvo. Os jogadores do Dinamo de Kiev tentaram confortar os brasileiros, enquanto o Shakhtar Donetsk deixou o campo por alguns minutos.   


Em um comunicado, a Liga Ucraniana informou que "a entidade disciplinar competente vai investigar o caso com caráter de urgência".   


Na liderança do Campeonato Ucraniano, o Shakhtar venceu o duelo por 1 a 0, com um gol de Serhiy Kryvtsov. O resultado fez a equipe de Taison e Dentinho disparar ainda mais no topo da tabela. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Notícias