Topo

Putin promete 'aperfeiçoar' arma misteriosa

22/11/2019 13h19

MOSCOU, 22 NOV (ANSA) - O presidente Vladimir Putin afirmou nesta sexta-feira (22) que a Rússia vai "aperfeiçoar" a misteriosa arma que provocou uma explosão no noroeste do país em 8 de agosto, matando dois militares e cinco engenheiros nucleares.   

Em um encontro com familiares das vítimas do incidente, em Moscou, Putin disse que esse armamento "não tem igual no mundo".   

"Certamente aperfeiçoaremos essa arma, apesar de tudo", declarou.   

Na cerimônia, o presidente entregou condecorações póstumas em homenagem aos sete mortos na explosão. De acordo com o governo russo, o incidente ocorreu durante o teste de um motor de míssil com propulsão atômica. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Notícias