PUBLICIDADE
Topo

Multidão volta às ruas para protestar em Hong Kong

08/12/2019 11h44

HONG KONG, 8 DEZ (ANSA) - Em um novo dia de protestos pró-democracia, milhares de pessoas voltaram às ruas em Hong Kong neste domingo(8), em um ato batizado como "Marcha do Dia dos Direitos Humanos".   

A iniciativa marca seis meses do início da série de manifestações deflagradas para barrar a controversa lei que permitiria a extradição de condenados à China continental.   

Apesar da desistência da lei por parte das autoridades locais, os protestos continuaram e se acentuaram para exigir democracia.   

O ato deste domingo foi convocado pela Frente Civil dos Direitos Humanos, que obteve autorização da polícia, e teve início no Victoria Park, localizado no distrito comercial de Causeway Bay, e seguiu para o Chater Road. De acordo com as autoridades, antes do protesto, pelo menos 11 pessoas foram detidas e uma arma apreendida. Para os organizadores, a grande marcha é a "última chance" para o governo de Carrie Lam encerrar a crise política, que ficou com um clima relativamente mais calmo depois que os movimentos pró-democracia conquistaram uma vitória expressiva nas eleições.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Notícias