PUBLICIDADE
Topo

Japonesa é diagnosticada com coronavírus pela 2ª vez

27/02/2020 11h57

TÓQUIO, 27 FEV (ANSA) - Uma mulher, de cerca de 40 anos, que trabalha como guia de ônibus de turismo no Japão foi contaminada pelo novo coronavírus pela segunda vez, informou o governo da província de Osaka, no oeste do país, nesta quinta-feira (27).   

A paciente realizou o teste ontem (26) depois de ser novamente dores na garganta e no peito. Ela está internada em isolamento.   

A primeira vez que foi diagnosticada com a doença foi no fim de janeiro. Na ocasião, a mulher recebeu alta no dia 1º de fevereiro. Em uma entrevista coletiva, a diretora do departamento de medicina da Prefeitura, Mutsuko Fujii, disse que seu escritório reportará o caso ao governo central de Tóquio e aguardará instruções sobre como proceder. Segundo o governador da segunda mais populosa do Japão, Hirofumi Yoshimura, os exames médicos serão estendidos a mais pessoas "para evitar uma situação em que os sintomas do coronavírus possam envolver um número cada vez maior de indivíduos". O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, por sua vez, ordenou o fechamento temporário de todas as escolas públicas do país a partir do próximo dia 2 de março até ao menos por duas semanas, para tentar evitar a propagação do coronavírus. Até o momento, o número de casos confirmados aumentou de 170 para 186 no território japonês. A quantidade, no entanto, é contada separada dos 704 registrados no navio Diamond Princess, colocado em quarentena em Tóquio. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Notícias