PUBLICIDADE
Topo

Pedidos por comida na Cáritas da Itália crescem até 50%

01/04/2020 10h32

ROMA, 01 ABR (ANSA) - A Cáritas, entidade beneficente da Igreja Católica, anunciou nesta quarta-feira (1º) que os pedidos de ajuda alimentar na Itália aumentaram em até 50% devido à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2), que obrigou trabalhadores a ficarem em casa para evitar contágios.   

"Todas as Cáritas diocesanas apontam um aumento significativo nas solicitações de ajuda alimentar, de 20% a 50% [dependendo da cidade]", diz um comunicado do braço italiano da organização. Segundo a nota, 20% dos 10 milhões de euros colocados à disposição pela Conferência Episcopal da Itália (CEI) já foram utilizados pelas 218 unidades da Cáritas no país para ações emergenciais.   

A entidade também decidiu destinar mais 4 milhões de euros para as sedes situadas nas áreas mais atingidas pela pandemia. Até esta terça-feira (31), a Itália registrava 105.792 casos do novo coronavírus e 12.428 mortes. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Notícias