PUBLICIDADE
Topo

Após mais de 1 mês, Navalny recebe alta na Alemanha

23/09/2020 07h37

BERLIM, 23 SET (ANSA) - Após mais de um mês internado devido a uma suspeita de envenenamento, o líder de oposição russo Alexei Navalny recebeu alta do Hospital Charité, em Berlim, na Alemanha, nesta terça-feira (22).   

O político havia sido internado na capital alemã em 22 de agosto, dois dias depois de ter passado mal durante um voo entre Sibéria e Moscou, na Rússia. A transferência para a Alemanha foi realizada após apelos da família e da comunidade internacional.   

Navalny ficou 24 dias na UTI, mas, segundo comunicado divulgado nesta quarta (23), suas condições melhoraram a ponto de o "tratamento médico poder ser concluído". "À luz do percurso observado até agora e das atuais condições, os médicos acreditam que seja possível uma recuperação plena", diz o boletim.   

Ainda de acordo com o hospital, "eventuais consequências do envenenamento no longo prazo poderão ser avaliadas apenas no decorrer do tempo". O governo alemão afirma que Navalny, principal crítico do presidente Vladimir Putin, foi envenenado com um agente do tipo novichok, grupo de substâncias neurotóxicas desenvolvido na União Soviética na década de 1970.   

O veneno causa efeito imediato, com sintomas que vão desde vômitos até a morte da vítima, e é do mesmo tipo usado contra o ex-espião russo Serghei Skripal em Salisbury, no Reino Unido.   

(ANSA).   

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.