PUBLICIDADE
Topo

Azerbaijão admite ter abatido helicóptero russo por acidente

09/11/2020 15h59

MOSCOU, 9 NOV (ANSA) - O Ministério das Relações Exteriores do Azerbaijão anunciou nesta segunda-feira (9) que as forças azeri acertaram e derrubaram acidentalmente um helicóptero russo, na Armênia, deixando dois tripulantes mortos e um ferido.   

Segundo a agência Interfax, o governo do Azerbaijão admitiu ter abatido a aeronave, pediu desculpas e disse estar pronto para pagar pelos danos causados. Além disso, explicou que o trágico incidente não foi direcionado contra a Rússia.   

Mais cedo, o Ministério da Defesa russo informou que o helicóptero Mi-24 caiu na Armênia perto do assentamento de Yeraskh, após ser atingida por disparos de um sistema portátil de defesa aérea.   

"Em 9 de novembro, por volta das 17h30, horário de Moscou, enquanto escoltava um comboio da 102ª base militar russa através do território da República da Armênia, no espaço aéreo próximo ao assentamento armênio de Yeraskh, perto da fronteira da República Autônoma de Nakhichevan, o helicóptero russo Mi-24 foi atingido por disparos terrestres de MANPADS", diz o comunicado.   

De acordo com o texto, "como resultado do ataque do míssil, o helicóptero perdeu o controle e caiu em uma área montanhosa no território da Armênia". Duas pessoas morreram e outra foi resgatada com ferimentos moderados. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.