PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Rússia diz que conquistou região de Lugansk; Kiev nega

03/07/2022 09h25

ROMA, 3 JUL (ANSA) - A Rússia afirmou neste domingo (3) que está controlando a cidade ucraniana de Lysychansk, último reduto de Kiev na região e, por consequência, toda a província de Lugansk após intensos combates desde a última semana.   

A informação foi dada pelo Ministério da Defesa e publicada pelas agências de notícias estatais do país. Desde ontem (2), o líder checheno de grupos pró-Rússia na área, Ramzan Kadyrov, afirma que os invasores tomaram o controle do centro de Lysychansk.   

Porém, Kiev segue negando que a cidade ucraniana não seja mais controlada pelo governo local.   

Em entrevista à "BBC", o porta-voz do Ministério da Defesa, Yuriy Sak, afirmou que Lysychansk "não tem total controle russo", mas acrescentou que os ataques "estão muito intensos já há alguns dias" e que as tropas por terra "atacam sem cessar".   

"Para os ucranianos, o valor da vida humana é uma prioridade absoluta. Por isso, às vezes, nós nos retiramos de certas áreas para poder retomar o controle no futuro", acrescentou ainda.   

A fala de Sak vai de encontro com o que o governador local, Sergei Gaidai, havia informado à imprensa neste sábado, de que muitos civis estavam sendo retirados de áreas de conflito para serem salvos já que os grupos pró-Rússia estavam queimando as casas de civis "uma a uma".   

Neste domingo, Gaidai afirmou ao portal local "Ukrinform" que tropas russas estão "sofrendo perdas significativas" em Lysychansk, mas "continuam a avançar".   

"Os nossos edifícios administrativos foram totalmente destruídos em pouquíssimo tempo. Lysychansk foi tomada de assalto por um grande número de soldados russos que usam todos os tipos de armas que têm à disposição. Estão ganhando passo a passo em Verkhniokamianka", afirmou ainda.   

Em outra entrevista à mesma "BBC", Sak ainda afirmou que mesmo que a cidade de Lysychansk caia sob controle russo, a batalha pelo Donbass "ainda não acabou" e que ainda há outras "grandes cidades, especialmente, na região de Donetsk, que ainda estão sob controle ucraniano".   

Donetsk e Lugansk são as duas regiões no Donbass que são alvo da nova fase da guerra iniciada pela Rússia na Ucrânia após Moscou fracassar na tentativa de derrubar o governo de Kiev.   

As duas províncias tem movimentos separatistas que, desde 2014, estão em conflito pela independência. No entanto, grandes áreas das duas regiões nunca caíram sob controle desses grupos pró-Moscou e continuavam a fazer parte da Ucrânia. (ANSA).   

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.