Goleiro leva tiro de borracha da PM em jogo em Goiás

SÃO PAULO, 11 JUL (ANSA) - Um goleiro levou um tiro de bala de borracha na perna de um policial militar em Anápolis, em Goiás, durante uma confusão em uma partida válida pela segunda divisão do Campeonato Goiano.   

O jogador Ramón Souza, do Grêmio Anápolis, recebeu os primeiros atendimentos médicos no gramado do Estádio Jonas Duarte, mas foi levado para uma unidade de saúde.   

Mesmo com a situação sob controle, o atleta foi atingido pelo disparo após uma breve discussão com o agente. Ao perceber a perna sangrando, Souza saiu correndo para pedir ajuda.   

Em uma publicação nas redes sociais, o Grêmio Anápolis, que perdeu por 2 a 1 para o Centro-Oeste, afirmou que o atleta foi "atingido de forma covarde" e disse ter sido um "ato horrível, inacreditável e criminoso".   

A Polícia Militar de Goiás abriu um inquérito para apurar o ocorrido em Anápolis. Em nota, a corporação ainda garantiu que "não compactua com qualquer desvio de conduta praticado por seus membros". (ANSA).   

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.

Deixe seu comentário

Só para assinantes