Jogadores brasileiros não fogem de polêmica com Argentina

Os jogadores brasileiros não estão evitando provocações à Argentina, tradicionais rivais no futebol.

Nesta quinta-feira, o lateral Daniel Alves disse que seu clube, o Barcelona, possui jogadores melhores do que os da seleção argentina.

Além de Daniel Alves, outros jogadores - como Kaká, Luís Fabiano e Felipe Melo - já falaram sobre a rivalidade, sem evitar polêmicas.

Nesta quinta-feira, quando perguntado por um jornalista de uma rede americana sobre por que seu companheiro de Barcelona, Lionel Messi, não atua tão bem pela Argentina como costuma fazer no clube, Daniel Alves disse a equipe catalã é superior à seleção portenha.

"Eu sempre dou o exemplo que para um time funcionar bem, ele precisa ter as peças [certas]. Acho que essa é a dificuldade para ele, quando se compara o Messi do Barcelona com o Messi da Argentina", disse Daniel Alves.

"O Messi do Barcelona tem [ao seu lado] jogadores com nível semelhante ao seu.

"Daniel Alves afirmou que Messi nunca se queixou sobre a Argentina aos companheiros de clube. "O Messi é tão boa pessoa que não é capaz de se queixar de nada. Nunca falou para a gente sobre as dificuldades que enfrentava na seleção argentina." Ele disse que o astro da Argentina tem uma "responsabilidade enorme de carregar o país nas suas costas e desejou sorte ao jogador do time rival.

"Sobre Messi, exceto contra o Brasil, espero que ele possa ter uma grande Copa." Rivalidade A Argentina é um assunto comum nas entrevistas coletivas dadas pelos jogadores brasileiros na África do Sul. Em entrevistas anteriores, os jogadores brasileiros fizeram elogios aos rivais, mas não evitaram declarações polêmicas.

Luís Fabiano elogiou muito a Argentina na entrevista que concedeu aos jornalistas na África do Sul, mas fez a ressalva de que Messi não repete na seleção o que faz no Barcelona. Felipe Melo também disse que "a Argentina fará bonito, mas chegará atrás do Brasil, se Deus quiser".

Parte da imprensa argentina não gostou das declarações dos brasileiros. O jornal esportivo Olé, da Argentina, publicou reportagem afirmando que Luís Fabiano precisa ficar "calado" e afirmou que a seleção de Maradona "vai responder em campo" aos brasileiros.

Kaká também não escapou da rivalidade com os argentinos.

Na entrevista que concedeu na semana passada, o camisa 10 do Brasil irritou-se com a pergunta de um jornalista argentino. Kaká havia dito que na Copa o "resultado é o mais importante" quando foi interrompido pelo jornalista, que perguntou se a seleção não se preocupa mais em jogar bem.

Kaká respondeu que contra a Argentina, no jogo pelas Eliminatórias em 2009, o Brasil ganhou por 3 a 1 e jogou bem. "Para nós, aquilo foi um espetáculo", disse o meia ao jornalista.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos