Apesar de violência, COI diz confiar que Rio 2016 será seguro

A violência do sábado no Rio de Janeiro não representa uma ameaça à realização dos Jogos Olímpicos de 2016 de maneira segura na cidade, segundo o Comitê Olímpico Internacional (COI).

"No passado, o Rio e o Brasil mostraram que são capazes de abrigar eventos de grande porte de maneira segura", afirmou à BBC Brasil uma porta-voz da organização.

"Temos total confiança na capacidade das autoridades brasileiras de realizarem Jogos seguros daqui a seis anos", disse a porta-voz Emmanuelle Moreau.

Ela observou que "a segurança é um aspecto importante de qualquer Jogos Olímpicos, não importa onde no mundo eles sejam, e é uma prioridade para o COI".

A porta-voz lembra, porém, que "os planos para segurança são de responsabilidade dos governos".

Segundo ela, a confiança na capacidade das autoridades brasileiras e cariocas de garantirem a segurança dos Jogos foi expressa pela comissão de avaliação do COI que analisou a candidatura do Rio a abrigar a Olimpíada.

A invasão de um hotel de luxo em São Conrado, na zona sul do Rio de Janeiro, por um grupo de homens fortemente armados após um tiroteio com a polícia teve repercussão internacional.

Das 35 pessoas mantidas como reféns dentro do Hotel Intercontinental, entre hóspedes e funcionários, várias eram estrangeiras.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos