Quais são os atletas mais bem pagos competindo na Rio 2016

Os quase 11 mil atletas que participam da Olimpíada no Rio representam o que há de melhor no esporte mundial.

Mas entre eles há uma pequena elite que se diferecia do resto, não tanto por seu desempenho, mas sim por sua renda. Enquanto alguns precisam se endividar e ter vários empregos para custear seus treinamentos, há outros que ganham milhões por ano para praticar seus esportes.

A diferença de renda entre os atletas só tem crescido desde 1986, quando o Comitê Olímpico Internacional autorizou a participação de esportistas profissionais nas Olimpíadas.

A BBC Brasil traz abaixo uma lista dos atletas mais bem pagos na Rio 2016.

1. Kevin Durant

O jogador de basquete americano dos Golden State Warriors é o atleta com a maior renda a participar dos Jogos do Rio. A revista Forbes estima sua renda anual em US$ 56,2 milhões, incluindo um contrato com a marca Nike que lhe proporciona US$ 300 milhões ao longo de dez anos.

Durant foi considerado o jogador mais valioso da NBA, a liga profissional americana, na temporada 2013-2014, e foi o jogador de basquete que mais pontos marcou entre 2010 e 2012 e entre 2013 e 2014.

Na Olimpíada de Londres, em 2012, ganhou a medalha de ouro como parte da equipe americana de basquete.

2. Novak Djokovic

O tenista sérvio lidera o ranking mundial de tênis desde 2014. Acumula 12 títulos de torneios de Grand Slam, os mais importantes do tênis, e foi medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008.

Segundo a revista Forbes, sua renda anual é de US$ 55,8 milhões, dos quais US$ 21,8 milhões vêm de premiações em torneios.

Djokovic foi o primeiro tenista a ultrapassar os US$ 100 milhões em prêmios na carreira.

Apesar disso, o sérvio foi derrotado logo na estreia da disputa olímpica no Rio, pelo argentino Juan Martín del Potro, e na segunda rodada da disputa de duplas pelos brasileiros Marcelo Melo e Bruno Soares.

3. Neymar

Esta é a segunda participação do astro do Barcelona em Jogos Olímpicos. Em 2012, quando já era a estrela principal da seleção brasileira, foi derrotado na final pelo México e ficou com a medalha de prata.

A renda anual de Neymar é estimada em US$ 37,5 milhões.

Desse dinheiro, US$ 23 milhões vêm de contratos publicitários com empresas como Nike, Gillette e Panasonic.

4. Rafael Nadal

O tenista espanhol já conseguiu uma medalha de ouro olímpica, em Pequim 2008, e já venceu nove vezes o torneio de Roland Garros.

Sua renda anual é estimada em US$ 37 milhões, dos quais US$ 32 milhões vêm de patrocínios publicitários.

Apesar de ter sido escolhido como porta-bandeira da delegação espanhola na abertura dos Jogos, Nadal não chegou ao Rio em sua melhor forma, depois de passar dois meses se recuperando de uma lesão.

5. Kei Nishikori

O tenista japonês é muito popular na Ásia, depois de ter chegado à sua primeira final de Grand Slam em 2014.

Aos 26 anos, ele é o tenista número 7 do mundo, visto como estrela ascendente para os Jogos Olímpicos de 2020, que serão disputados em Tóquio.

A revista Forbes estima sua renda anual em US$ 33,5 milhões, incluindo US$ 30 milhões em patrocínios.

6. Usain Bolt

Nos Jogos Olímpicos de 2008, Usain Bolt se tornou o primeiro corredor a ganhar o ouro e quebrar o recorde mundial nas corridas de 100m, 200m e no revezamento 4x100m.

O atleta jamaicano voltou a ganhar as três medalhas de ouro nas mesmas provas na Olimpíada de Londres, em 2012.

Sua renda anual é estimada em US$ 32,5 milhões. Ele conta com patrocínios de dez marcas diferentes, o que lhe dá US$ 30 milhões por ano.

7. Carmelo Anthony

O jogador de basquete dos New York Knicks já sentiu o gosto da glória olímpica em Atenas 2004, quando ganhou o bronze, e em Pequim 2008 e Londres 2012, quando levou o ouro.

Ele recebeu o terceiro maior salário da NBA na temporada 2015-2016.

Sua renda anual chega a US$ 30,9 milhões, dos quais US$ 22,9 milhões corrrespondem ao seu salário como jogador.

8. Serena Williams

A tenista americana é a líder do ranking mundial de tênis profissional feminino. Ela já ganhou 22 torneios Grand Slam.

Serena já ganhou quatro medalhas de ouro em Olimpíadas, incluindo as disputas de simples e de duplas nos Jogos de 2012. Mas deixou os Jogos do Rio sem medalha.

Sua renda é estimada em US$ 28,9 milhões anuais.

Ela conta com mais de uma dezena de patrocinadores, incluindo Nike, Chase, IBM e Delta.

9. Kyrie Irving

Apesar de ter nascido em Melbourne e de ter dupla nacionalidade, americana e australiana, Kyrie Irving disputa os Jogos Olímpicos pela seleção dos Estados Unidos.

O jogador dos Cavaliers de Cleveland faz no Rio sua estreia em Jogos Olímpicos.

Sua renda é estimada em US$ 27,6 milhões anuais, dos quais US$ 16,6 milhões correspondem ao seu salário na NBA.

Em dezembro de 2014, a Nike começou a vender sapatos esportivos com seu nome, que se tornaram um sucesso de vendas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos