Em imagens: a maior Superlua em 7 décadas vista ao redor do mundo

A maior e mais brilhante Superlua em quase 70 anos mobilizou milhares de pessoas em todo o mundo. Mas o mau tempo prejudicou os planos de muitos astrônomos amadores.

O brilho especial da Superlua pôde ser visto melhor na Ásia durante a noite de segunda-feira.

A Lua ficou a uma distância de apenas 356.509 km às 11h21 da manhã (pelo horário de Greenwich) do dia 14 de novembro - este foi o momento exato em que o satélite ficou mais próximo da Terra.

A órbita da Lua é elíptica e, por isso, há períodos em que o satélite se aproxima mais da Terra.

Quando o chamado perigeu - momento de maior aproximação - e a lua cheia coincidem, o resultado é uma Superlua.

O fenômeno desta segunda-feira pôde ser visto melhor na América do Norte antes do nascer do sol. No Reino Unido, o horário ideal para observação era a noite. E no Brasil, a partir do momento do pôr do sol.

As Superluas parecem 14% maiores e 30% mais luminosas em comparação com o ponto mais distante da sua órbita, chamado de apogeu.

A próxima vez em que a Lua ficará tão próxima de nós será em 25 de novembro de 2034 - a uma distância de 356.445 km.

A melhor maneira de conseguir uma boa foto do fenômeno é enquadrar a Lua e um ponto de referência, como uma paisagem ou monumento, de acordo com a Nasa, a agência espacial americana .

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos