Jogador argentino da Chapecoense não foi à Colômbia por lesão no joelho

O jogador argentino Alejandro Martinuccio, da Chapecoense, ficou no Brasil para se recuperar de uma lesão no joelho e assim não embarcou no avião que caiu a caminho de Medellín na madrugada desta terça-feira.

"Eu não fui porque fiz uma artroscopia no joelho, fiz cirurgia há dois meses", disse Martinuccio à BBC Brasil.

O meia-atacante, na Chapecoense há um ano, está na sede do clube com outros membros da equipe acompanhando as notícias sobre o acidente. "Nos víamos todos os dias, era um time muito unido, estamos todos chocados", afirmou.

Em sua conta no Twitter, Martinuccio também falou sobre a tragédia. "Rezem por meus companheiros, por favor", escreveu.

A Chapecoense faria sua primeira estreia internacional na final da Copa Sul-Americana jogando contra o Atlético Nacional de Medellín. Os últimos anos foram os mais prolíficos para a equipe. "Faz pouco tempo que temos esse sucesso, estamos todos chocados", disse.

Martinuccio, de 28 anos de idade, jogava como meia e atacante. Antes da Chapecoense, passou por Cruzeiro, Fluminense e Coritiba.

Acidente

O avião que transportava o time de futebol da Chapecoense caiu na madrugada desta terça-feira na Colômbia, para onde a equipe viajava para disputar a final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional de Medellín.

Oitenta e uma pessoas estavam a bordo, entre jogadores, jornalistas e tripulantes. A Polícia do Departamento (Estado) de Antióquia, informou à agência de notícias Reuters que 76 pessoas morreram e cinco sobreviveram.

Não se sabe a causa do acidente. O mau tempo na região torna mais difícil o trabalho de resgate, que foi suspenso nas últimas horas por causa da forte chuva.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos