Jornalista brasileiro que sobreviveu ao acidente aéreo na Colômbia reconheceu a família

O jornalista brasileiro Rafael Henzel, da rádio Oeste Capital de Chapecó, deve ser desentubado ainda hoje, com a presença da família, que chegou na noite de quarta-feira à Colômbia. Ele abriu os olhos e tentou se comunicar com os parentes.

Henzel e o zagueiro Hélio Neto estão internados na UTI do hospital San Juan de Dios, na cidade de La Ceja, vizinha a Medellín. Ambos respiram com a ajuda de aparelhos.

Um primo de Henzel, Roger, contou que a família foi direto do aeroporto para o hospital, onde também visitou o jogador Neto.

O jornalista estava acordado, de olhos abertos e reconheceu os parentes.

"Ele apertava a nossa mão e tentava falar, mas está entubado", disse, na porta do hospital.

Os médicos pediram à família que esteja no hospital, nesta quinta-feira, para tranquilizar Henzel no momento em que o tubo que o ajuda a respirar for retirado. Ele não poderá falar logo depois de ser desentubado.

O jornalista sofreu um trauma torácico e fraturou uma perna. O estado dele havia sido classificado pelos médicos como crítico, com "perspectivas otimistas".

Também sobreviveram ao acidente os jogadores Alan Ruschel, o goleiro Jackson Follmann, o técnico de voo Erwin Tumiri e a comissária de bordo Ximena Suarez.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos