Operação da PF cumpre mandados em endereços ligados a Aécio Neves

A Polícia Federal e o Ministério Público Federal cumprem, na manhã desta quinta-feira, mandados de busca e apreensão relacionada à força-tarefa da operação Lava-Jato nas residências do senador Aécio Neves (PSDB).

Há ações em três capitais brasileiras. Os policiais se dirigiram para endereços no Lago Sul, em Brasília; no bairro Anchieta, em Belo Horizonte; e em Ipanema, no Rio.

Também são cumpridos mandados nos apartamentos da irmã de Aécio, Andrea Neves, em Copacabana, no Rio; e de Altair Alves, conhecido por ser braço direito do deputado Eduardo Cunha, localizada na Tijuca, também no Rio.

A ação teria autorização do Supremo Tribunal Federal (STF) e Procuradoria-Geral da União (PGR) e é realizada desde por volta das 5h30. Ainda não há informações sobre onde o senador se encontra

Segundo relato do jornal O Globo, Aécio Neves, presidente do PSDB, teria sido gravado pelo dono da JBS, Joesley Batista, pedindo R$ 2 milhões, que seriam destinados a pagar despesas com sua defesa na Lava-Jato.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos