O momento em que o cachorro de Emmanuel Macron faz xixi durante reunião oficial

"...E o cachorro está fazendo algo bastante incomum", disse o presidente da França, Emmanuel Macron, ao ter sua conversa com a ministra da Ecologia, Brune Poirson, interrompida de repente.

Atrás dela, Nemo, o labrador preto de dois anos que Macron adotou em agosto, se aliviava em uma chaminé do século 17.

A cena ocorreu em plena reunião governamental no gabinete de Macron no Palácio do Eliseu, onde o presidente tinha uma reunião sobre investimentos com Poirson, com o secretário de Estado do Ministério de Coesão Social, Julien Denormandie, e com o ministro de Economia e Finanças, Benjamin Griveaux.

O momento foi registrado pelas câmeras da televisão francesa.

"Isso acontece com frequência?", perguntou Denormandie, rindo, a Macron.

"Não. Vocês provocaram um comportamento atípico no meu cachorro", brincou o presidente.

Assim como nos Estados Unidos e em outros países, a presença canina na casa onde vive o presidente é uma tradição na França, e também uma fonte de piadas.

Em 2013, por exemplo, a imprensa divulgou que um chihuahua e dois labradores do ex-presidente Nicolas Sarkozy estragaram vários móveis históricos do Salão de Prata do Palácio Eliseu.

Quase todos os presidentes franceses tiveram um labrador, e Macron optou pela mesma raça. Ele provavelmente não esperava, no entanto, que seus convidados fossem recebidos dessa forma.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos