Vídeo 'da execução de Saddam' revela insultos; assista

da BBC, em Londres

Imagens não-oficiais da execução de Saddam Hussein foram exibidas por emissoras de televisão árabes e se espalharam pela internet.

As imagens, aparentemente gravadas com um telefone celular, indicam que o ex-presidente iraquiano trocou insultos com testemunhas presentes à execução pouco antes de ser enforcado.

Em um dos momentos do vídeo, uma das testemunhas grita para Saddam ir "para o inferno". O ex-líder iraquiano reage, e questiona a bravura dos presentes.



Em outro trecho, algumas pessoas são ouvidas gritando o nome de Moqtada Al-Sadr, líder de milícia e um dos principais clérigos xiitas do Iraque, que teve o pai morto por agentes do regime de Saddam Hussein.

Na parte final do vídeo, Saddam cita trechos do Alcorão, o livro sagrado dos muçulmanos, mas é interrompido pela abertura do alçapão onde estava pendurada a forca.

As novas imagens podem servir de munição para alimentar as reclamações de advogados de Saddam de que o ex-presidente iraquiano teria enfrentado um processo legal injusto.

Um pequeno grupo de iraquianos, incluindo um representante do primeiro-ministro, testemunhou a execução de Saddam.

O conselheiro de segurança nacional do governo iraquiano, Mowaffaq al-Rubaie, que assistiu ao enforcamento, disse no sábado que Saddam Hussein foi tratado com respeito na forca.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos