Feira em Las Vegas revela pujança da indústria pornô

da BBC, em Londres

Trinta mil pessoas se reuniram na cidade de Las Vegas, em Nevada, para a convenção anual da indústria de filmes adultos dos Estados Unidos.

Filmes, brinquedos capazes de intimidar os mais recatados e centenas de atores e atrizes seminus compõem a atmosfera no evento.

Pelos corredores, uma multidão de pessoas comuns observa os produtos e faz compras.

Se há alguns anos, feira semelhante estaria relegada a espaços minúsculos, com pouca atenção da imprensa, a escala e a variedade do encontro sugerem que a indústria do sexo merece consideração, dizem os empresários.

Tecnologia

Estima-se que o faturamento da indústria de filmes adultos alcance US$ 57 bilhões (cerca de R$ 125 bilhões) no mundo, sendo que só os Estados Unidos são responsáveis por algo entre US$ 12 bilhões e US$ 20 bilhões.

É uma atividade que movimenta mais recursos que os principais eventos esportivos do país.

Em grande parte, dizem representantes do setor, o crescimento da indústria se deve à incorporação de novas tecnologias.

O entretenimento adulto foi importante, por exemplo, para consolidar o domínio das fitas de tecnologia VHS sobre as que utilizam o sistema Beta.

Novos sistemas de distribuição ajudaram a reduzir os custos das operações, possibilitando que cerca de 200 filmes sejam filmados semanalmente nos Estados Unidos.

A indústria também desempenhou um papel fundamental no desenvolvimento do vídeo via Internet, e agora cumpre a mesma função em relação aos telefones celulares.

"No início da Internet, quando havia certa luta para se alcançar mercado em larga escala, foi o entretenimento adulto que realmente inovou em muitos sentidos", disse o jornalista de tecnologia Bill Thompson.

"Agora que temos telefones celulares com telas de resolução suficiente para ver imagens, a indústria está entrando nesse setor."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos