Vídeo de execuções de aliados de Saddam é exibido a jornalistas

da BBC, em Londres

Autoridades iraquianas mostraram a jornalistas um vídeo do enforcamento dos dois homens ligados ao ex-presidente Saddam Hussein. Um dos homens executados foi decapitado.

As imagens mostram o meio-irmão de Saddam, Barzan Ibrahim al-Tikriti, e o ex-chefe da Corte Revolucionária do Iraque, Awad Hamed al-Bandar, sendo enforcados lado a lado.

Barzan e Bandar foram condenados pelo envolvimento no assassinato de 148 xiitas em 1982, mesmo crime que levou Saddam Hussein à forca no mês passado.

O governo iraquiano afirmou que a decapitação de Barzan foi acidental.

Relato

O correspondente da BBC em Bagdá, Andrew North, disse que o vídeo mostra dois homens usando roupas laranja sendo preparados para a execução lado a lado.

Os carrascos, que tinham seus rostos cobertos, colocaram capuzes na cabeça dos dois condenados. Em seguida, puseram cordas nos pescoços.

Pouco depois, o vídeo – que não tem som – mostra os dois homens caindo.

Imediatamente a corda ao redor do pescoço de Barzan move-se rapidamente para cima, enquanto o corpo cai. A pessoa que está filmando a cena aponta a câmera para o poço abaixo da forca, onde é possível identificar um corpo ensangüentado sem cabeça. E ao lado, a cabeça ainda coberta pelo capuz.

O corpo de Al-Bandar ainda estava pendurado na forca, de acordo com uma autoridade presente na execução.

Segundo North, as autoridades disseram que não planejavam divulgar a fita.

Eles foram enterrados em seguida próximo do túmulo de Saddam, na cidade de Awja, 180 quilômetros ao norte de Bagdá.

Testemunhas disseram que Al-Tikriti e Al-Bandar estavam tremendo de medo quando se aproximavam do cadafalso.

O promotor público Jaafar al-Moussawi disse à BBC que assim que os corpos começaram a queda, só foi possível ver a corda que segurava Bandar solta.

“Achei que o condenado Barzan Ibrahim al-Tikriti havia escapado da forca. Berrei que ele havia escapado da forca, e para que começassem a procurá-lo no poço. Dei alguns passos para frente e vi: descobri que seu corpo havia sido separado do seu corpo”, disse al-Moussawi.

As execuções aconteceram às 3h da manhã desta segunda-feira (22h de domingo, no horário de Brasília), aparentemente no mesmo prédio onde Saddam foi morto.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos