EUA propõe ajuda de US$ 10,6 bi para o Afeganistão

da BBC, em Londres

A Secretária de Estado dos Estados Unidos, Condoleezza Rice, anunciou nesta quinta-feira que planeja pedir ao Congresso que aprove um pacote de US$ 10,6 bilhões em ajuda econômica e militar para o Afeganistão.

Rice está em Bruxelas para participar de um encontro de Ministros do Exterior da Otan (a aliança militar do Atlântico norte), na qual a expectativa é que ela peça a outros países da organização que também faça mais pelo Afeganistão.

Autoridades americanas também anunciaram nesta quinta-feira que decidiram manter por mais quatro meses no país centro-asiático um total de 3,2 mil soldados de unidade que iriam deixar o país no mês que vem.

Há alguns dias, o comandante da Otan no Afeganistão, general David Richards, disse a um jornal britânico que ele contava com menos tropas que o necessário para garantir a segurança no Afeganistão.

Atualmente há 24 mil soldados americanos servindo no Afeganistão, o maior contingente de um único país da Otan na região.

Os anúncios foram feitos em meio a especulações de que milicianos do Talibã realizem uma grande ofensiva nas próximas semanas.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos