Tumulto em templo indiano 'mata ao menos 140'

Pelo menos 140 pessoas morreram neste domingo, entre elas 40 crianças, durante um tumulto em um templo no nordeste da Índia, segundo informações da polícia local. O incidente aconteceu no templo hindu de Nainadevi, que fica no topo de uma montanha no estado de Himachal Pradesh, a 255 quilômetros da capital Nova Délhi.

Dezenas de feridos foram levados para hospitais das redondezas.

Segundo o correspondente da BBC em Delhi Damian Grammaticas, centenas de fiéis se dirigiam ao local para participar do festival religioso de Shravan Navratras.

Eles subiam uma trilha estreita de quatro quilômetros quando uma marquise desabou. O medo de que houvesse deslizamentos de terra provocou pânico e correria.

Sem poder se deslocar, dezenas de fiéis ficaram espremidos em um pequeno trecho da trilha e acabaram morrendo asfixiados. Outras vítimas, muitas delas crianças, morreram pisoteadas por fiéis que tentavam se segurar nos escombros e escapar do local. De acordo com o correspondente, 50 mil pessoas são esperadas no evento religioso, que começou no sábado e tem duração de nove dias. Tumultos em templos indianos são freqüentes durante festivais religiosos. Desde o início do ano, três incidentes similares já mataram seis pessoas.

O governador do Estado de Himachal Pradesh disse que vai ajudar as famílias das vítimas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos