Tentativa de cruzar Canal em balão movido a pedais fracassa

Um piloto amador francês fracassou em sua tentativa de realizar a travessia do Canal da Mancha no domingo a bordo de um balão dirigível movido a pedais.

Stephane Rousson, de 39 anos, levantou vôo da costa britânica às 8h hora local (4h no horário de Brasília) e às 13h (9h em Brasília) havia completado a metade do trajeto, de 55 quilômetros mas, desistiu pouco depois por causa de uma mudança na direção do vento.

Rousson esvaziou seu balão e continuou o trajeto no barco de sua equipe de apoio.

"Eu não estou desapontado. Eu me sinto feliz porque (a desistência) não teve nada a ver com falha técnica." 'Zeppy' Durante a travessia, Rousson ficou sentado embaixo do balão Zeppy e moveu as hélices com pedais como os de uma bicicleta.

Ele havia tentado cruzar o Canal da Mancha em junho, mas após esperar duas semanas por condições climáticas favoráveis, desistiu da aventura. No domingo, o porta-voz do piloto disse que "ter levantado vôo já foi uma vitória após conseguir as condições climáticas perfeitas".

Em entrevista à BBC, Rousson disse que a criação do balão foi inspirada no filme ET, O Extra-terrestre, de Steven Spielberg.

"Desde que era criança tinha vontade de voar", disse o piloto. Homem-pássaro Se tivesse dado certo, esta seria a primeira pessoa a conseguir o feito a bordo de um balão dirígivel movido a pedais.

Na sexta-feira, um suíço se tornou a primeira pessoa a atravessar o Canal da Mancha voando sozinho com uma asa de propulsão a jato.

Yves Rossy aterrisou em Dover, na Inglaterra, depois do vôo de 35,4 km de Calais, na França. O vôo, que havia sido adiado no início da semana por causa do mau tempo, durou poucos minutos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos