Rússia retira posto de controle na Geórgia

A Rússia desmontou um posto de controle próximo da região separatista da Ossétia do Sul, na Geórgia, segundo informações de monitores europeus no país. Um porta-voz da equipe de monitores europeus disse à BBC que o fechamento do posto de controle, localizado na região noroeste da cidade de Gori, é o primeiro sinal da retirada das tropas russas da Ossétia do Sul. Segundo os monitores, essa é a primeira confirmação sobre o fechamento de um posto de controle desde o início da missão, há quatro dias. Autoridades georgianas afirmaram que outras ações como essa são esperadas em breve e as tropas devem deixar outros postos de controle espalhados pelo território da Geórgia. A missão européia está monitorando o cessar-fogo previsto no acordo mediado pelo presidente francês, Nicolas Sarkozy, em agosto. Pelo acordo, assinado pelos dois países, a Rússia deve retirar suas tropas de território georgiano, inclusive das regiões consideradas como "zonas de segurança" ao redor das províncias separatistas da Ossétia do Sul e Abecásia, até o dia 10 de outubro. Conflito A retirada das tropas russas é um dos principais pontos do acordo de cessar-fogo. No entanto, a Rússia pretende manter um contingente de cerca de 8 mil soldados na Abecásia e na Ossétia do Sul - províncias que Moscou reconheceu como Estados independentes. O conflito na região começou no dia 7 de agosto, quando a Geórgia tentou retomar o controle sobre a Ossétia do Sul à força depois de uma série de conflitos menores. A Rússia invadiu a região lançando um contra-ataque e expulsando as tropas georgianas da Ossétia do Sul e da Abecásia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos