Cientistas encontram pegadas de 144 milhões de anos

Paleontólogos da Argentina descobriram o que podem ser as pegadas de dinossauro mais antigas já encontradas no hemisfério sul.

  • BBC

    Equipe descobriu mais de 300 pegadas no Vale Icla, na Bolívia

A equipe achou mais de 300 pegadas no Vale Icla, na província de Sucre, na Bolívia.

Acredita-se que as pegadas tenham em torno de 144 milhões de anos.

O paleontólogo Pablo Gallina diz que algumas das pegadas são de um dinossauro adulto e seus filhotes. "Mal podíamos acreditar quando vimos aquilo," diz Gallina.

Os cientistas foram levados ao local por um camponês, que percebeu que os buracos na terra poderiam ser pegadas de dinossauros.

"As pegadas são 70 milhões de anos mais antigas do que as outras já encontradas," diz o paleontólogo Sebastian Apesteguia.

Na época em que esses dinossauros viviam, o Vale Icla era parte de um deserto gigante que ia da América do Sul à África.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos