Explosão mata pelo menos 16 e fere 70 no Paquistão

Pelo menos 16 pessoas morreram e 70 ficaram feridas nesta sexta-feira em uma explosão na cidade de Peshawar, no noroeste do Paquistão, segundo informações da polícia.

A imprensa local informou que a explosão danificou vários prédios e ocorreu em uma área populosa, perto de uma mesquita xiita e de um mercado.

Ainda não se sabe o motivo do ataque desta sexta-feira. Uma autoridade local informou que vítimas estão presas debaixo dos escombros.

Segundo o correspondente da BBC em Islamabad Charles Haviland, o ataque parece ter sido feito com um carro-bomba. Um delegado de polícia afirmou que a bomba pesava entre 20 kg e 25 kg.

O hospital local, para onde muitos dos feridos foram levados, declarou situação de emergência e pediu doações de sangue para atender os feridos.

As ruas que dão acesso ao local da explosão estariam congestionadas, o que dificultou a chegada das equipes de resgate, disse a imprensa local.

De acordo com Haviland, a imprensa também afirma que uma escola de missionários fica na área da explosão e que mulheres e crianças estariam entre os mortos.

Região tribal Antes seis pessoas já tinham sido mortas no que poderia ser um ataque sectário na região tribal de Orakzai.

O noroeste do Paquistão tem sido atingido por vários ataques sectários envolvendo muçulmanos xiitas e sunitas.

Os xiitas correspondem a menos de 20% da população do país e milhares de militantes das duas comunidades e da maioria sunita foram mortos em ataques e represálias nos últimos dez anos.

Os ataques desta sexta-feira ocorreram enquanto o Exército paquistanês realiza operações no noroeste do país contra militantes da Al-Qaeda e do Talebã.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos