Missão americana no Iraque está em fase final, diz Gates

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Robert Gates, disse a soldados americanos no Iraque, neste sábado, que a missão militar no país entra agora "em sua fase final".

Em visita a uma base dos Estados Unidos ao norte de Bagdá, Gates afirmou que a presença americana no Iraque vai passar por uma importante "mudança de missão" em junho, quando as tropas devem se retirar das áreas urbanas do país.

Gates, que permanecerá no cargo após a posse do presidente-eleito Barack Obama, explicou que a data foi escolhida porque os comandantes acreditam que até lá terão conseguido transferir todas as 18 províncias para o controle iraquiano.

Há duas semanas, as duas nações concordaram com um plano para que as tropas americanas se retirem completamente do território iraquiano até 2011.

Sem combate O general Ray Odierno, comandante americano no Iraque, afirmou que alguns soldados vão permanecer nas cidades para oferecer aconselhamento e treinamento para forças iraquianas, mas ressaltou que eles não vão participar de combates.

Odierno não especificou quantos dos 150 mil militares presentes no Iraque vão permanecer no país após o mês de junho.

Segundo ele, parte da decisão está ligado ao fato de que o Iraque terá eleições no ano que vem.

"É importante manter uma presença suficiente aqui, para ajudá-los (aos iraquianos) a atravessar este ano de transição. Não queremos dar um passo atrás porque já avançamos bastante até aqui", afirmou Odierno.

Oponentes ao novo acordo firmado há duas semanas, entre eles o clérigo xiita Moqtada Al-Sadr, dizem não acreditar que os soldados americanos vão se retirar nas datas prometidas, e pedem sua saída imediata.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos