Pedreiros encontram barco do século 18 em Buenos Aires

Pedreiros que trabalhavam em uma construção em Buenos Aires, na Argentina, descobriram os restos de um galeão espanhol do século 18 na área portuária da cidade.

Segundo o correspondente da BBC na capital argentina, Daniel Schweimler, os arqueólogos do país já afirmam que esta é uma das mais importantes descobertas já feitas na Argentina.

Os restos foram encontrados em Puerto Madero, antiga área portuária da cidade que foi recuperada e hoje é ocupada por restaurantes e residências.

Os pedreiros que encontraram o antigo galeão espanhol construíam as fundações de um prédio de apartamentos de luxo quando se depararam com oito jarras de cerâmica contendo azeite.

Os jarros eram usados no século 18 para transportar o azeite da Espanha para as colônias na América Latina.

Canhões Os arqueólogos foram chamados e descobriram quatro canhões, pedaços de madeira do navio e provas de que o galeão provavelmente fazia comércio de couro.

Para o arqueólogo Marcelo Weissel, a descoberta é única na Argentina. Os trabalhos prosseguem para encontrar mais objetos do galeão, e as primeiras indicações são de que o navio afundou por volta de 1750.

O prefeito de Buenos Aires, Mauricio Macri, afirmou que a construtora responsável pelo prédio que seria construído e os arqueólogos devem trabalhar juntos.

No final do século 18, Buenos Aires se transformou em uma grande cidade portuária, pois os espanhóis começaram a transportar prata da área que hoje é o sul da Bolívia pela capital argentina e, então, para a Europa.

Mas as águas no local eram consideradas ameaçadoras, e os ataques de piratas, freqüentes, o que causava os naufrágios.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos