Ao menos 13 turistas morrem em naufrágio no Caribe

Lancha, que teria virado no sul da Nicarágua por conta de fortes ventos, levava 34 pessoas, entre elas uma brasileira que sobreviveu ao acidente. Todos os mortos são cidadãos da Costa Rica.

Pelo menos 13 turistas da Costa Rica morreram depois que uma lancha, que levava 34 pessoas, naufragou na madrugada deste domingo (24/01) no sul da Nicarágua. Uma das passageiras, a brasileira Dulce Blank, sobreviveu ao naufrágio.

O acidente foi provocado por fortes ventos, que fizeram a lancha tombar entre Corn Island e Little Corn Island, duas ilhas da Nicarágua no mar do Caribe. De acordo com a porta-voz da presidência da Nicarágua, Rosario Murillo, 21 pessoas foram encontradas com vida e 13 mortas. "Ainda não conseguimos resgatar quatro corpos."

Além da brasileira, 13 cidadãos da Costa Rica, dois do Reino Unido e dois dos EUA conseguiram sobreviver ao acidente. A embarcação ignorou a proibição de navegar na região, emitida pelas autoridades desde sexta-feira por conta dos ventos fortes e das ondas de até dois metros de altura, afirmou o chefe da Marinha da Nicarágua, o almirante Marvin Corrales.

O capitão do barco, Hilario Blandón, e seu ajudante, ambos da Nicarágua, foram detidos ao chegar a Corn Island. Os dois serão acusados pelo crime de homicídio culposo e exposição de pessoas ao perigo, de acordo com o vice-comandante da polícia Francisco Diaz.

FC/rtr/efe/dpa/afp/ap

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos